domingo, 22 de janeiro de 2017

UMA NOVA ERA ESTÁ EM GESTAÇÃO

Adicionar legenda
                      Donald Trump, o novo presidente dos Estados Unidos da América




A melhor maneira de enfrentar e derrotar um inimigo é combatê-lo ferozmente sempre!


L. Telles Bezerra

Parece que haverá uma nova era para a humanidade a partir da eleição de Donald Trump, para a presidência dos Estados Unidos da América.

Não se pode dizer ainda se ele será bom ou ruim para o mundo, mas não se pode negar que algo diferente do que vinha sendo empreendido a partir dos EUA, será executado. Os exageros de Barak Obama, favorecendo os inimigos de seu povo serão extintos. A tolerância para com muçulmanos parece que deverá deixar de existir nas atitudes claras de Trump. Eles, os muçulmanos, tem, como missão, destruir os “inimigos do islã”, que em sua concepção são todos aqueles que não professam o seu credo. Portanto, eles estão contra toda a humanidade! Facilitar as ações desses bárbaros é o mesmo que permitir que assassinos cruéis cresçam dentro dos nossos lares, com o objetivo premente de nos assassinar assim que decidirem. Por isso, dou total apoio ao novo presidente dos Estados Unidos!

Por todo o período Obama, Israel sofreu todos os tipos de afronta por meio da indiferença do governo anterior em relação aos interesses daquele povo. Esse pequeno e gigante país, sempre foi e será o grande amigo e parceiro dos Estados Unidos em todos os tempos, na guerra ou na paz. Creio que a partir de agora, os judeus serão reconhecidos como tais durante a gestão de Donald Trump.

Outro conceito por ele combatido é o gaysismo impertinente e sem controle, que visa, assim como os muçulmanos, querer destruir a família, como forma de se impor àqueles que não concordam com suas perversas tendências sexuais. Foi retirado do site da Casa Branca, temas como clima e direitos civis públicos LGBT. Bravo, Trump!

Qual mente sadia aceitará que uma anomalia seja considerada normal sem ser e que os praticantes dessa preferência sexual imponham sua vontade à maioria da sociedade? Dentro de uma sociedade livre, tudo que não for contra as leis dessa mesma sociedade será permitido, mas para tudo tem limites. É intolerável que práticas sexuais se imponham às normas ditadas pela natureza, que classifica pelo sexo quem é macho ou fêmea. Pelo conceito geysista, não existe sexo classificatório, mas preferências sexuais e ponto final! É a famosa e asquerosa Ideologia de Gênero. É de sua concepção que, crianças filhas de casais heterossexuais, sejam adotadas por “casais gays”, sem restrições, com a finalidade perversa e única de transforma-las em homossexuais ao longo do seu desenvolvimento como pessoa humana. Nada mais criminoso do que isto! Estou com Trump e não arredo o pé!

Sua determinação protecionista me deixa meio em inseguro quanto a eficácia dessa prática. Entendo o seu ímpeto em defender os interesses de sua pátria e isto é indiscutível, mas ele esquece que nem tudo o que existe no mundo é produzido exclusivamente nos EUA. Combater os excessos é louvável, mas generalizar é estultice.

Outro conceito de Trump, que acho correto é a barreira que ele pretende colocar entre os EUA e os imigrantes ilegais. Está corretíssimo em não permitir que seu país se transforme num depósito de pessoas não desejadas por seus compatriotas. Deve haver uma filtragem rigorosa sobre quem entra no país, para que a segurança interna dos EUA esteja sempre assegurada. O princípio da pátria segura é louvável em qualquer parte do mundo. Nunca vi algum defensor dos humildes e desamparados condenar as regras de imigração japonesas, as mais rigorosas que existe em relação a muçulmanos. Naquele país oriental a entrada de muçulmanos é permitida se fizer parte de missão diplomática de um país amigo, mesmo assim eles examinarão tudo o que disser respeito ao investigado. Deveria ser assim principalmente aqui no Brasil, onde as nossas fronteiras foram escancaradas pelos governos petistas, para tudo quanto é lixo humano que quisesse viver aqui sem restrições de espécie alguma.

Mas, o que mais incomoda aos esquerdopatas do mundo inteiro, é o fato de Donald Trump não ser tolerante com as suas intenções, quais sejam a de destruir os Estados Unidos como nação. Esses cretinos sofrerão amargas derrotas em qualquer parte do mundo onde se encontrem.

Outra atitude dele que me deixou eufórico, foi sua determinação em construir um escudo antinuclear para defender a sua pátria. Isso é louvável e deve ser enaltecido, desde que não prejudique as relações multilaterais dos EUA com o restante do mundo.

Os terroristas muçulmanos estão com seus dias contados. Se depender de Trump, serão exterminados sem piedade. Quem estará contra essa intenção? Ora, nem precisa perguntar.

Os petistas que se cuidem. As ações que rolam na justiça americana contra alguns desses patifes serão incrementadas até que todos paguem por seus crimes cometidos em território americano. Nada mais salutar do que algo desse tipo.

Ao contrario de muitos que se postam contra as posições de Donald Trump, eu torço muito para que ele mude a cara desse mundo tolerante com todos os tipos de anormalidades, que vem sendo cometidas por toda parte. Claro, sei que ele estará cuidando primeiramente dos interesses do seu povo, mas sei também que os reflexos a partir daí serão sentidos e muito por aqui. E não só aqui como no mundo todo, pois a influência norte-americana é pesada no planeta inteiro. Sendo assim, não vejo porque não ser favorável ao seu empenho em consertar os erros do seu antecessor muito bonzinho com quem não presta. Vamos em frente, guerreiro, e não esmoreça nunca!

Do nosso lado, espero que o povo brasileiro atente para a nova realidade nos Estados Unidos e na nossa vizinha Argentina, e adote aqui também uma mudança que determine o fim desse cancro que vem debilitando a nossa sociedade há muitas décadas: o esquerdismo perverso e criminoso. É intolerável que 60 mil pessoas morram por ano no Brasil, através das mãos de criminosos protegidos por essa maldita ideologia. Estamos vendo acontecer em presídios do Norte e do Nordeste, uma barbárie sem precedentes promovida por esquerdopatas, que seguem os ditames marxistas e gramscistas, para desestabilizar a nossa sociedade.

E quem vai combater isso, se nossas autoridades são todas, sem exceção, esquerdistas alinhados com esses princípios? Para reverter essa situação, a nossa única saída é elegermos presidente da república em 2018, a JAIR MESSIAS BOLSONARO. Ele será o nosso Donald Trump melhorado para consertar o Brasil!

JAIR MESSIAS BOLSONARO






2 comentários: